Follow by Email

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Comissão da ADESE irá a Brasília fortalecer liberação de recursos do orçamento

Comissão será organizada pela ADESE, formada pelo núcleo diretivo do Conselho

Em mais uma ação de fortalecimento da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Seridó (ADESE), estiveram reunidos hoje (22), em Assembleia Geral Ordinária, e o conselho administrativo da Agência, para tratar sobre diversos assuntos, dentre estes a disponibilização da emenda de 22 milhões destinada a Agricultura Familiar do Seridó.

 

Quem foi convidado pelo Conselho da Agência para tratar do assunto foi o deputado federal João Maia, este autor da emenda quando estava na presidência da Comissão de Desenvolvimento Econômico, que explicou aos presentes quais seriam as soluções a tomar, caso a ADESE se disponibilize a buscar a liberação dos recursos.

O deputado explicou que por questões burocráticas dos governos municipais e Federal a emenda acabou sendo reduzida a pouco mais de dois milhões. “Tivemos vários problemas, primeiro na apresentação dos projetos, depois na dificuldade do Governo dar o limite financeiro e no final, quando me reuni com a ministra de planejamento e ela puxou a lista dos municípios, de todos eles só quem estava fora do Cauc era Timbaúba dos Batistas, São Fernando, Parelhas e Carnaúba dos Dantas e a emenda tinha sido reduzida a 2 milhões e 400 mil reais. O que o ministro fez, ele assegurou os recursos para os Perímetros Irrigados de Caicó e Cruzeta, através do DNOCS e nós perdemos as emendas dos municípios”, explicou o deputado.

Para que a região do Seridó não saísse no prejuízo com a perda da primeira emenda, o deputado João Maia destinou sua emenda de Bancada para o Orçamento deste ano 22 milhões e 702 mil reais para promoção e Fortalecimento da Agricultura Familiar da Região do Seridó.  O deputado acha que muitos dos investimentos que seriam construídos com a emenda inicial, como por exemplo, as Centrais de Abastecimento e reformas de abatedouros se encaixam nesta nova emenda.

Ao final da Assembleia ficou acertada a criação de uma comissão, que será organizada pela ADESE. Essa comissão irá a Brasília, logo após a aprovação do Orçamento deste ano se reunir com o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas e o próprio deputado João Maia para cuidar da agilidade na liberação dos recursos. João Maia também prometeu que irá lutar para que a ADESE firme convênio com o Governo Federal, no sentido de fazer modelo de gestão e acompanhamento da implantação dos recursos da emenda na própria região do Seridó.

A reunião foi presidida pela diretora da Adese, Ione Rodrigues e o administrador-diocesano Padre Ivanoff Pereira, presidente do conselho. Presentes a reunião e que integram  a Assembléia-Geral da ADESE as seguintes instituições: Governo do Estado, Seapac, Diocese de Caicó, Sebrae, Fiern, Fecomércio, Faern, Cracas, Fetarn, Cersel, AMSO, AMS e UFRN.

Ivanilson Barros Júnior
Assessor Comunicação Centro de Apoio ao CBH PPA
Rua Otávio Lamartine, 891, Centro - Caicó-RN
Tel.: 84 3417-2948 - Cel.: 8896-1840
CEP 59300-000

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Adese agradece o seu comentário!