Follow by Email

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Em reunião, agricultores demonstram confiança na recuperação dos açudes destruídos em Caicó


2646 
Agricultores de várias comunidades rurais reunidos

Agricultores de várias comunidades rurais que serão beneficiadas com recursos da emenda, destinada ao Seridó pelo deputado federal João Maia (PR), se reuniram nesta noite de segunda-feira (07), no grupo Escolar do sítio Açudinho em Caicó. A reunião foi coordenada pela ADESE, e contou com a participação de representantes do Fórum do Campo, de vereadores, secretários municipais e representantes de vários segmentos da sociedade.
Na oportunidade, foram discutidas todas as questões burocráticas para que os açudes destruídos pelas chuvas de 2011 sejam recuperados com os quatro milhões de reais, destinados pela emenda do deputado, representado na reunião por sua esposa Fernanda Maia, que ao levar sua mensagem aos agricultores, destacou que a reunião serviu para tirar as dúvidas de muita gente.
Eu acho que estava faltando apenas alguns esclarecimentos, diante de informações divulgadas de forma errada, principalmente de que eles teriam que doar as terras, o que não é verdade. Eles vão fazer um termo de cessão, autorizando que o Governo recupere o açude particular, transformando em bem que todos possam usar de forma comunitária. Eles estão apreensivos, mas depois todos se dispuseram a colaborar no que for preciso. Os recursos estão garantidos, mas precisamos vencer algumas burocracias ainda”, explicou Fernanda.
Como existe prazo para que o projeto seja encaminhado ao Ministério da Integração Nacional, a ADESE e o Fórum do Campo se encarregaram de coletar todas as documentações necessárias e informações das comunidades. Os 4 milhões de reais serão investidos na recuperação dos açudes de 13 comunidades rurais.  Na reunião, o ex-prefeito Roberto Germano garantiu que o DNOCS é quem fará o projeto técnico. “Nós estivemos na Capital e conversamos com técnicos do DNOCS, e eles nos garantiram que até o dia 18 deste mês, todos os projetos serão entregues a Adese”.
Agora nós temos o respaldo da comunidade para fazer o projeto, com autorização para o termo de cessão de uso para que se possa utilizar recursos federais em obra particular. Nós vamos providenciar a documentação adequada, conforme a legislação e juntaremos ao projeto técnico que O DNOCS está elaborando”, explicou Galvão da Adese.

FONTE: BLOG DE MARCOS DANTAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Adese agradece o seu comentário!