Follow by Email

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Projeto do SEBRAE incentiva propriedades rurais sustentáveis



Maquete na Festa do Boi demonstra para produtores rurais como integrar árvores com agricultura e pecuária de forma harmônica e preservar os mananciais hídricos.

por Cleonildo Mello

Utilizar de forma correta os recursos naturais sem agredir o meio ambiente é um dos principais desafios para donos de propriedades rurais. Para estimular a adoção de boas práticas, o Sebrae no Rio Grande do Norte levou para o Espaço Empreendedor na Festa do Boi uma unidade demonstrativa do Projeto Biomas. Trata-se de uma iniciativa da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), com o apoio do Sebrae, para preservar o patrimônio ambiental dos seis principais biomas do país.

Uma maquete apresenta aos produtores como usar a área das propriedades rurais de forma sustentável sem degradar, por exemplo, matas nativas, conciliando áreas de pastos e manejo adequado de culturas. A unidade demonstrativa de uma ‘vitrine tecnológica’ está exposta no Espaço Empreendedor, montado em uma área de 2,7 mil metros quadrados dentro do Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim (RN).

O projeto Biomas teve inicio no ano passado e, a partir de exemplos reais visualizados nas vitrines tecnológicas, repassar ao produtor como integrar árvores com agricultura e pecuária de forma harmônica. Além disso, difundir técnicas de sistemas de povoamento florestal e agrofloresta, recuperar vegetação de zonas de recarga de mananciais hídricos subterrâneos e manejo de áreas de proteção ambiental permanente.

A proposta do projeto é capacitar 350 multiplicadores e agentes locais de desenvolvimento em todo o país para que os resultados dessa tecnologia sejam transferidos para o maior número de propriedades situadas nos seis biomas. Os planos são abrir caminho para que produtores tenham acesso a linhas de crédito para implantação de outros módulos experimentais nas fazendas.

No caso do Rio Grande do Norte, os dois biomas predominantes são o da Mata Atlântica e o da caatinga, este último considerado o único exclusivamente brasileiro e que ocupa uma área de 84,4 milhões de hectares,envolvendo regiões como agreste, sertão, seridó e cariri. O Espaço Empreendedor na 50ª Festa do Boi funciona diariamente das 16h às 22h até desta quinta-feira (11) até o dia 20, no Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim (RN).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Adese agradece o seu comentário!