Follow by Email

terça-feira, 15 de outubro de 2013

3º DPRE busca ADESE para expandir 'Projeto de Educação Trânsito na Escola na região do Seridó

Diretor Executivo da Agência recebe Coordenador do Projeto de Educação Trânsito na Escola, com sede no 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual
A Agência de Desenvolvimento Sustentável do Seridó (ADESE) recebeu na manhã de hoje, 15 de outubro, a visita do Major PM, Francisco Borges Silva Neto, Coordenador do Projeto de Educação Trânsito na Escola, do 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, sediado em Caicó/RN.

O Coordenador esteve na Agência em busca de parceria para a expansão do projeto, que se encontra em andamento em três cidades da região do Seridó,  Caicó, Jardim de Piranhas e Jucurutu, "A ideia é formalizar a parceria com a ADESE, por ter uma equipe técnica que possa verificar a viabilidade em outros municípios, além disso, a ADESE pode buscar recursos para melhorar ou incrementar mais ações no projeto", disse o Coordenador do Projeto.

Quem quiser entrar em contato com o 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual pode entrar em contato por e-mail: 3dpre@bol.com.br, telefone: (84) 3421-6054, ou clicar no endereço eletrônico http://3dpre.rn.gov.br, aqui você encontrará informações sobre o projeto, e também as ações do Distrito.

SOBRE O PROJETO

O Projeto Educação de Trânsito Na Escola foi idealizado em julho de 2011, pelo Major Francisco Borges da Silva Neto quando assumiu o comando do 3º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual. O projeto contempla todo o estado do Rio Grande do Norte, porém a atuação tem se limitado a região do Seridó.

Em 2012, o projeto formulou a Cartilha Educativa com dez lições de trânsito voltado para criança e em parceria com o DETRAN-RN conseguiu a impressão de 1.041 exemplares. A execução do projeto pretende informar as crianças sobre aspectos relacionados ao trânsito e de colaborar para a formação de uma nova visão sobre o comportamento das pessoas nele, que se traduza em um novo perfil do usuário das vias de tráfego nas localidades atendidas pelo projeto.

O trabalho metodológico baseia-se na adoção de uma Cartilha Educativa, que foi criada por uma comissão, na qual trabalharmos dez lições ou mais de trânsito num intervalo de quarenta e cinco minutos cada. E também de aulas teóricas de acordo com a Cartilha Educativa e ao final, ministramos uma aula prática, em local externo, visando simular um ambiente real de trânsito.

A equipe é composta por cinco instrutores soldados com experiência no trânsito, que ao final das aulas teóricas e prática, realiza uma formatura ou uma “gincana educativa de trânsito’ entre as escolas contempladas com o projeto.

2 comentários:

  1. Parabéns a ADESE pelo apoio a este excelente projeto, que cria oportunidades de educação para o trânsito. É louvável mesmo !!!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns a ADESE por apoiar esse projeto maravilhoso.

    ResponderExcluir

A Adese agradece o seu comentário!